LEGENDA Bora Ver: Debi & Lóide 2

Harry descobre que está com uma doença terminal e para se curar precisa de um transplante de rim. Em companhia de seu amigo Lloyd, irá percorrer várias cidades atrás de uma filha ilegítima que teve vinte anos atrás, na esperança da moça lhe doar o rim e salvar sua vida.
Vale a pena ou a galinha inteira? 

Há cerca de vinte anos, estreava nos cinemas um dos filmes que iriam entrar para os clássicos dos filmes de comédia (se essa categoria existisse).  Tínhamos um Jim Carrey em ascensão de carreira e que no ano de 1994 emplacaria com nada mais, nada menos que 3 filmes que o iriam consagrar como um dos grandes nomes da comédia do cinema: O Máscara, Ace Ventura e é claro, Debi & Lóide. No mesmo ano, tínhamos também um Jeff Daniels que quase ninguém conhecia, participando de um dos filmes de ação mais aguardados da época: Velocidade Máxima (eu me lembro disso minha gente!!! ai meu Deus!!), quatro anos depois de ter recebido o prêmio Saturno de melhor ator pela sua participação em Aracnofobia (1990). 


Colocando os pingos nos "i"s, tínhamos um ator de comédia e um que ainda vagueava por outros gêneros se encontrando para formar a melhor dupla de comédia da década de 90 (nessa época, Jim ainda não tinha se embebedado por outros gêneros, como ocorrera em O Show de Truman - 1998 e Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças - 2004).

Mas esta análise não é para falar do "clássico" de duas décadas passadas e sim de sua continuação. O desenvolvimento da história, segue as primícias do seu antecessor e aposta suas fichas nas atitudes politicamente incorretas para fazer comédia. Acontece que por mais incorretos que esses atos sejam, o público não consegue (em grande maioria) ver maldade neles, tudo por conta da "inocência" bem desenvolvida e depositada pelos personagens. Um exemplo disso é a cena que dividem com o vizinho deficiente visual (o mesmo de 20 vintes atrás ^^).


A filme em si é uma "cópia" do primeiro, mesmo sendo escrito por seis pessoas. Temos a viagem dos dois pelo país, dessa vez para encontrar a filha de Harry que foi dada para a adoção, que gera todo um efeito "road movie" para a trama. Em meio a isso, há um segundo plano de fundo da história em que a mãe adotiva de Penny (Rachel Melvin), tenta matar os protagonistas para se apossar de uma caixa que os dois estão levando para a garota e que segundo o pai adotivo dela, vale bilhões. 

Havendo uma clara reciclagem do filme de 94, as piadas não são tão convincentes quanto foram no passado. Ao menos na sala em que assisti ao filme e que por sinal estava lotada, as risadas eras escassas e mesmo assim, tinham pouca duração. Claro que tem uma ou outra piada que realmente te faz rir e é claro que sempre tem um espectador ou outro que parece que vai morrer de tanto rir de qualquer mísero momento do filme e você acaba por esquecer do filme e passa a rir da risada dele (?).


Mesmo com a idade, é inegável a química humorística entre Jim e Jeff. No caso de Debi & Lóide, a idade sempre irá ajudar, já que a idade mental dos dois somadas deve resultar em 6 ou 8 e quanto mais velhos eles forem, mais engraçado será ver isso, porém, a reciclagem com toques para mascarar a "cópia" fez com que o filme fosse previsível demais. Os roteiristas não se atentaram de que em vinte anos o cinema mudou e mesmo que a receita seja a mesma, as piadas não podem ser (e isso sem nem mesmo comentar os furos do roteiro)


Com um ar totalmente nostálgico e uma pegada cômica que remete ao primeiro filme, Debi & Lóide 2 não é um filme que entrará para os anais da comédia como seu antecessor, mas que se trata de um filme saudosista: se você gostou do primeiro, gostará desse, o mesmo para caso não tenha gostado. 

PS: O que valeu a galinha inteira é a trilha sonora do filme que está muito boa ^^




* As imagens retiradas do filme:  Dumb & Dumber To, são puramente com o intuito de ilustração e divulgação. Todos os direitos das mesmas são de seus criadores ^^


2 comentários:

  1. *Tiago, te encontrei no Skoob, lendo a sinopse que você postou sobre o livro "A Redoma de Vidro " e ... vim aqui dar uma passada de olhos neste teu espaço !!! Já te sigo ! Bom domingo. Um abraço, sagitariano ! :))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Edméia tudo bom?
      Obrigado pela confiança em seguir. É muito gratificante quando as pessoas que leem as postagens se identificam com algo, por menor que seja e espero que minha impressão de leitura tenha feito você se interessar pelo Redoma (ou te livrado dele, sei lá rsrs).
      Abraços e bom final de novembro para você ^^

      Excluir